Páginas

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Aos foliões belorizontinos de plantão...

Galera, dessa vez não deu pra viajar, e sinceramente, nem liguei. Mas quando o povo vai arrumando as malinhas e você só assiste todos indo aproveitar em outros carnavais, dá aperto no coração SIM.

Mas nem por isso deixarei de comemorar em minha cidade tão aconchegante, e por isso, segue a programação abaixo dos blocos de BH. Divirtam- se.

Dia 17 de fevereiro (sexta-feira de carnaval)


Bloco Escola Grêmio Recreativo Unidos da Guignard: A partir das 18hs – Sai da Escola Guignard, Mangabeiras

Beijo Elétrico: Rua Antônio de Albuquerque,384, Praça da Savassi

Dia 18 (sábado de carnaval)

Bloco Impresta 10: 14h às 22h – Rua Tenente Freitas, Santa Tereza

Então, brilha!: 09h – Rua Guaicurus, 660, Centro

Bloco do Approach: 14h às 20h – Avenida Brasil, 41, Santa Efigênia

Dia 19 (domingo de carnaval)

O grande encontro: Cacete de Agulha, Bloco da Simone ala da MISSes, a partir das 10h, na Avenida Brasil, Santa Efigênia

Alcova Libertina: Praça Duque de Caxias, em Santa Tereza

Batiza Esse Nenê / Paulo Augusto de Carvalho: 15h às 19h – Rua Sapucaí, Santa Tereza

Dia 20 (segunda-feira de carnaval)

Bloco Coletivo do Delírio: A partir das 11h – Rua Aimorés com Avenida Getúlio Vargas, Funcionários

Liberdade ainda que agora: Batuque Zumbi: 18h – Rua Hermínio Alves até a Praça Duque de Caxias, Santa Tereza

Bloco do Grito: 16h – Praça João Pessoa, Funcionários

Bloco Genoveva: 10h às 22h – Rua Genoveva, Horto

Dia 21 (terça-feira de carnaval)

Bloco A Santê: 14h às 20h30 – Rua Mármore, Santa Tereza

Dia 22(quarta-feira de cinzas)

Bloco do Manjericão: 14h às 22h – Rua Dores do Indaía, Santa Tereza




Meu Deus, quanto tempo passei sem ao menos fazer uma "visitinha" por aqui. Escrevi a um tempo, mas agora que deu pra postar.
Mas nunca é tarde. Estou passando só para contar as novidades e falar que eu quero de qualquer jeito os livros "conversas com scorsese" e "Hitchcock - Vida E Cinema". Ou seja, se alguém quiser fazer uma campanha e me presentear, eu fico muito feliz.

Enfim, não sei se falei aqui, mas comecei a fazer Direito no início do ano passado. Tá, a intenção era gastronomia, mas pô, gastronomia agora não ia adiantar nada pra mim, afinal eu sou pobre, apesar de que a profissão de advogado está muito ingrata, o leque do Direito é muito grande, dá pra tentar ser feliz né?!

Poise, estou fazendo estágio na minha área, bom demais pra quem está apenas no 3° período.

Vi em 2011 Jamiroquai de novo, mas dessa vez foi no Rock in Rio. Não sei se o pobre Jay Kay está apenas cansado, ou se ele não se conformou de tocar no mesmo palco da Kesha, só sei que  o show do festival Natura Nós foi mais animadinho.

Vi Faith no More de novo também. Só que dessa vez no SWU. E tenho dito, não adiana, o Mike Patton tem a manha. Me reanimou depois de 4 horas em pé, cansada, de perna bamba e de baixo de chuva esperando eles tocarem, e ainda ter que aguentar Alice in Chains por mais ou menos 1:30, os caras não queriam sair do palco nem a pau. Saravá. Mas valeu a pena. Animado como sempre, o palco estava lindo, e ele, sem comentários.

Por enquanto é isso. O ano está acabando, e não vejo a hora de chegarem as férias.

Um beijo a todos e vou voltar mais por aqui.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Aos meus amigos meio bossa nova e rock'n roll...





Ah, como é bom colecionar pessoas tão especiais na minha vida!
Graças a Deus sempre tive muita sorte com isso, amigos que tenho certeza que vou guardar pra sempre!
Tem uns que é claro, a gente acaba se afastando. Não é por má vontade de encontrar nem nada do tipo, é o nosso tempo que está cada vez mais curto. Mas ah se eu pudesse revê-los todos os dias! Pelo menos no final de semana pra fofocar, dar beijo e abraço, deitar no colo, cantar uma música boa e fazer uma nova receita.
No meu primeiro texto do blog, citei algumas pessoas pelas quais eu sinto saudade, mas depois disso, já surgiram outras e outras que eu já não consigo viver mais sem. Que falta que a Mari me faz, ela era minha conselheira amorosa.(meu Deus, não sei como aquela moça com cara de menina consegue fazer tão bem as pessoas, nem que seja pra comer lasanha e assistir filme na casa dela). Mas ela foi para os E.U.A. e está super feliz por lá. A Gabi é meu sorvete de nutella com pistache, o menina abençoada que me faz bem só de olhar e ganhar um abraço. Aí vem a pergunta que eu já fiz pra Gabi "ah, porque a gente não se conheceu antes?", sabe- se lá! E gente do céu, tem um caso que é muito interessante, o da Carol- Carolina, irmã da Cacá. Gente, eu a conheci de uma forma meio inusitada, do tipo "nunca vou conversar com essa menina". Nunca! Mas o mundo da voltas, graças ao meu amigo que me guarda todos os dias. E gente do céu, ela é minha irmã perdida, encontrada! É incrível o tanto que a gente da certo! E tem a Antonieta, ela trabalha comigo e dança o Michael Jackson como ninguém, assim como James Brown e outras coisas do tipo. Coração do tamanho do mundo, mãe de três meninas, e um alto astral sem comentários. Tem o Edimarcio, que trabalhou comigo na mesma empresa da Antonieta, cujo apelido é ED BIBA (não contarei o porque), e gente, ele é engraçado demais da conta, falando dos causos do interior. A Gleice que é minha irmã mais velha, e fui convocada a fazer um almoço na casa dela semana passada que foi bom demais (tirando que fui eu quem cozinhou e particularmente ficou tudo muito bom). Juramos de pé juntos conhecer muito lugar bacana em BH este ano. O Wellington então, imita a Gabriherpes melhor do que ninguém. Tem a Carol, que infelizmente tivemos a tristeza de perde- la no ano passado, irmã da Gabi, que já era um anjo e agora foi encarregada de ser o nosso anjo da guarda (tadinha, tanta moça desajuizada pra ela ajudar a tomar conta)e jamais será esquecida, fato!  E claro, tem o Alê, que eu amo de paixão e que é o meu atual conselheiro, amigo que é pau pra toda obra e agora vai morar em Buenos Aires. Como eu vou sentir sua falta Alê, mesmo cantando aquele tanto de música ruim que você gosta.
Ah, eu poderia ficar a tarde toda aqui falando das pessoas lindas que aparecem na minha vida. Tem pra todo gosto, pagodeiro (Edmarcio), dançarina( Carol- Carolina), psyco killer (Gabi), Lady Gaga (wellington) e Pink (Alê). Michael Jackson (Antonieta), anjo da guarda (Carolzinha) e flor de laranjeira (Mari). Eu gosto de vocês demais da conta sô!

Super beijo para todo e bom resto de semana.

"Meu caro amigo eu não pretendo provocar
Nem atiçar suas saudades
Mas acontece que não posso me furtar
A lhe contar as novidades
 Aqui na terra tão jogando futebol
Tem muito samba, muito choro e rock'n'roll
Uns dias chove, noutros dias bate sol

Mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta
Meu caro amigo eu quis até telefonar
Mas a tarifa não tem graça
Eu ando aflito pra fazer você ficar
A par de tudo que se passa..."

[Chico Buarque- Meu caro amigo]


domingo, 26 de dezembro de 2010

A lá 2011.

Enfim chegou o final de 2010!
O que você fez de bom ou melhor, deu pra fazer pelo menos a metade do que estava na lista?
Bom, pra mim não deu pra fazer quase nada. Falando sério!
Mas mesmo assim foi um bom ano. E 2011, ah, prefiro deixar a vida me levar do que fazer planos, acho que quando se planeja demais acaba dando errado.
Quero desejar de coração um feliz 2011 pra todo mundo que acompanhou este blog em seu curto prazo, e até mesmo quem não acompanhou. Fica uma diga de um filme que eu acho simplesmente lindo e tem tudo haver com este fim de ano, o clássico "A felicidade não se compra" (It's a Wonderful life) 1946 de FRAN CAPRA.

É a história de um espírito desencarnado, candidato a anjo que, para ganhar suas asas, recebeu a missão de ajudar um valoroso empresário que, em virtude de grave problema financeiro, provocado por desonesto banqueiro, tinha a intenção de se suicidar.
O aspirante a anjo foi encontrá-lo na véspera do Natal, à noite, prestes a saltar de uma ponte nas águas geladas que corriam embaixo. Fazendo-se visível e identificando-se, falou de sua missão e, sem nenhuma pretensão de demovê-lo da idéia, comentou que seria um desperdício, porque ele vinha sendo importante para muita gente. Ante o ceticismo de seu protegido, que se sentia um fracassado, o amigo espiritual mostrou-lhe varias situações que teriam acontecido se não fosse sua interferência. A morte do irmão, a tristeza da esposa, a situação lastimável de sua cidade entre outras.



Beijos!

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

É, faz tempo que não passo por aqui, apesar de sempre entrar e olhar as atualizações dos blogs que sigo no perfil. Fico tempos sem saber o que falar, não sei se só ouço, se só leio, se fico sossegada ou falo o que vier na cabeça.
Hoje, acordei assim, pensando na última opção.
Eu ando tão cansada de tudo, das pessoas, do trabalho, de tudo o que me faz lembrar coisas que eu não quero.
Acho "pessoas" uma coisa complicada. Claro que temos que ser diferentes, mas é impossível entender alguém, nem eu mesma me entendo, quanto mais alguém que eu não sei nem o que se passa dentro da cabeça. A mente humana é um mistério impossível de ser desvendado.
Assisti terça feira o filme "Comer, rezar e amar". Achei maravilhoso e era exatamente o que eu pretendo fazer da minha vida (quando tiver grana, claro). Sair, conhecer lugares novos, gente nova, comida nova. É um plano.
Não sei se isso acontece com você, tem dias que da vontade de deixar tudo e ir embora sem ao menos me despedir.
Você faria isso?
Acho que a única coisa que me entusiasma agora é o show do Jamiroquai semana que vem, não vejo a hora.


Beijos.

sábado, 18 de setembro de 2010

Tarantino...

Sim, ele é foda, e é o cara! E mais uma vez surpreende com "A prova de morte" (Death Proof )...


A temática é conhecida: psicopata sádico persegue gostosas para trucidá-las em cenas brutais. A câmera fetichista abusa nos closes em shortinhos apertados e pés desnudos, com direito à dança erótica (lap dance), e não poupa sanguinolência nas batidas. Kurt Russell é Stuntman Mike: ex-dublê machão, com cicatriz e tudo, que pilota um Dodge Challenger extraído diretamente de Corrida Contra o Destino (1971). Ao som de “The Last Race” (Jack Nitzsche) e “It´s So Easy” (Willy DeVille), o assassino ao volante escolhe “namoradas” pela cidade e as mata com o seu muscle car preto. O personagem sublima a falta de amor/sexo de belas mulheres por meio de perseguições e rachas excitantes. Para ele, o possante carro é como extensão do pênis, e não à toa deseja literalmente penetrar as mulheres com o veículo.


Ele estava esta semana no cinema "usiminas belas artes" em BH. Agora esta tendo uma mostra e o mesmo saiu de cartaz, mas provavelmente deve voltar daqui umas duas semanas...

Beijos!

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Caronas do meu Brasil


Descobri um site muito interessante, que te dá oportunidade de pegar carona pelo Brasil, quando te da aquela vontade de viajar mas não tem grana para pagar a passagem. No "vai pra onde" tem caronas bem baratas e às vezes até gratuitas. Foi indicação da revista "super interessante" ou seja, acredito que é seguro. Você tem que se cadastrar no site e escolher o destino e pé na estrada.

http://www.vaipraonde.com.br/  


Beijos e boa semana!

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Parabéns Macaulay Culkin!

Sim, hoje é aniversário de um dos atores que mais gosto. Hoje, Maucaulay completa 30 anos. E para relembrar um pouco da carreira do ator listei alguns filmes:

O clássico: "Esqueceram de mim"



O apaixonante "Meu primeiro amor":




O intrigante "Anjo malvado":





O polêmico e independente "Party Monster":



Viva!

terça-feira, 24 de agosto de 2010

"E eis que depois de uma tarde de “quem sou eu” e de acordar à uma hora da madrugada ainda em desespero – eis que às três horas da madrugada acordei e me encontrei. Fui ao encontro de mim. Calma, alegre, plenitude sem fulminação. Simplesmente eu sou eu. E você é você. É lindo. É vasto, vai durar. Eu não sei muito bem o que vou fazer em seguida, mas por enquanto olha pra mim e me ama. Não! Tu olhas pra ti e te amas, é o que está certo.''

Clarice Lispector


[fotografia por Luísa V.]